ESTUDO COMPARATIVO DOS CASES DE HABITAÇÃO TEMPORÁRIA “PAPER LOG HOUSE” E APLICAÇÕES NO BRASIL

Luana Toralles Carbonari, Lisiane Ilha Librelotto

Resumo


Os desastres naturais têm gerado, em diversas localidades, um grande número de desabrigados e, consequentemente, a necessidade de habitações temporárias. Em resposta a isso, o arquiteto Shigeru Ban desenvolveu em 1995 o projeto de uma habitação temporária denominada "Paper Log House" para os desabrigados após um terremoto no Japão, reutilizando tubos de papel. Posteriormente, a Paper Log House foi utilizada como resposta a desastres em diferentes locais, sendo modificada para se adaptar a cada contexto. Este artigo tem como objetivo realizar uma análise comparativa dessas habitações temporárias, utilizadas no Japão, na Turquia, na Índia e nas Filipinas, e avaliar aplicações no contexto brasileiro. Utilizou-se de pesquisa bibliográfica para averiguar a reutilização de tubos de papel na arquitetura de Shigeru Ban e as características projetuais e construtivas da primeira Paper Log House. Após isso, foi realizada uma análise comparando os quatro casos e são apresentados estudos realizados no Brasil, referentes a ensaios laboratoriais e à construção de uma réplica da Paper Log House. Com os resultados da análise comparativa pode-se concluir que os aspectos culturais, econômicos e ambientais de cada contexto são de grande importância no projeto. Observou-se que seria possível construir obras semelhantes às do arquiteto Shigeru Ban com os tubos de papel fabricados no Brasil, a partir de soluções projetuais para compensar a baixa resistência mecânica dos tubos. Também se verificou que o sistema construtivo da Paper Log House pode ser vantajoso em termos econômicos como resposta a situações emergenciais no País.


Texto completo:

PDF/A

Referências


ASSOCIAÇAO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS - ABNT. Concreto - Ensaio de compressão de corpos-de-prova cilíndricos – Método de ensaio: NBR 5739: 1994. Rio de Janeiro: ABNT, 1994.

______Papel e cartão – Tubetes – Determinação da resistência à flexão – Método dos três pontos: NBR 14576: 2000. Rio de Janeiro: ABNT, 2000.

ARAUJO, C. Contêiner ganha espaço em projetos de construção civil. 2012. Disponível em: . Acesso em: 05 jan. 2018.

ARCHDAILY. The Humanitarian Works of Shigeru Ban. 2014. Disponível em: . Acesso em: 08 jan. 2018.

BUCK, D. N. The Architecture of Shigeru Ban. (GG Portfolio), Editorial Gustavo Gili, S.A. Barcelona: 1997.

BAN, S. Emergency shelters made from paper. 2013. Disponível em: . Acesso em: 04 jan. 2018.

BEDOYA, F. Hábitat transitório y vivenda para emergências. Tábula Rasa, Colombia, p. 145-166, dez. 2004.

BRASIL. Instrução normativa nº 1, de 24 de agosto de 2012. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Poder Executivo, Brasília, DF, 2012. Seção 1.

ESTRATEGIA INTERNACIONAL PARA LA REDUCCIÓN DE DESASTRES –NAÇÕES UNIDAS (EIRD / ONU). Vivir con el Riesgo: informe mundial sobre iniciativas para la reducción de desastres. Secretaría Interinstitucional de la Estrategia Internacional para la Reducción de Desastres, Naciones Unidas: EIRD / ONU, 2004.

FERREIRA, J. F. C. House in a box: Um estudo sobre o pré-fabricado na arquitetura. Dissertação (Mestrado). Coimbra: Faculdade de Ciências e Tecnologia – Universidade de Coimbra, 2011. 126p.

McQUAID, M. Shigeru Ban. Nova Iorque: Phaidon Press, 2003.

OSAMU, K.; AKAGI, M.; KITA, E. The medical and public health response to the Great Hanshin-Awaji Earthquake in Japan: a case study in disaster planning. International Medical Center of Japan, 1995.12. p.214-226 (excerpt from "Medicine & global survival, vol.2 no.4)

QUARANTELLI, E. L. Patterns of shelter and housing in US disasters. Disaster Prevention and Management: An International Journal, v. 4. 3 ed., pp.43-53, 1995.

SALADO, G. C. Construindo com tubos de papelão: Um estudo da tecnologia desenvolvida por Shigeru Ban. Dissertação (Mestrado). São Carlos: Escola de Engenharia de São Carlos – Universidade de São Paulo, 2006. 186p.

SALADO, G. C.; SICHIERI, E. P. Resistências à compressão axial e à flexão de tubos de papelão brasileiros e japoneses utilizados em sistemas construtivos. In: NUTAU 7º Seminário Internacional: Espaço Sustentável, Inovações em edifícios e cidades. São Paulo: NUTAU 2008.

SANTOS, H. N.; CÂNDIDA, A.; FERREIRA, T. K. S. Ações referentes a gestão de resíduos da construção civil em Araguari-MG. In: ENCONTRO NACIONAL DOS GEÓGRAFOS, 16, 2010, Porto Alegre. Anais eletrônicos... Porto Alegre.

SCHRAMM, D. (Coord); THOMPSON, P. (Coord). First International Emergency Settlement Conference: New approaches to new realities. Wisconsin, Madison, U.S. University of Wisconsin. Disaster Management Center. Department of Engineering Professional Development, 1996. 508 p.

SHIGERU BAN ARCHITECTS. 2018a. Disponível em: . Acesso em: 05 jan. 2018.

¬¬_____. Paper Arbor, Nagoya, Japan, 1989. 2018b. Disponível em: . Acesso em: 05 jan. 2018.

¬¬¬_____. Odawara hall and east gate, Odawara, Kanagawa, Japan, 1990. 2018c. Disponível em: < http://www.shigerubanarchitects.com/>. Acesso em: 05 jan. 2018.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. Centro Universitário de Pesquisas e Estudos sobre Desastres (UFSC / CEPED). Atlas Brasileiro de Desastres Naturais: 1991 a 2012. 2. ed. Florianópolis: CEPED / UFSC, 2013a. 126 p. v. Brasil.

_____¬¬. Capacitação básica em Defesa Civil. 5. ed. v. Santa Catarina. Florianópolis: CEPED / UFSC, 2014.

ZAPAROLI, D. Abrigos Emergenciais: construindo com tubos de papelão. Projeto de pesquisa, 2013, UNIP, SP. Disponível em: Acesso em: 18 de mar. de 2019.

CUSTO UNITÁRIO BÁSICO – CUB. 2019. CUB / m² estadual. Disponível em: Acesso em: 02 de abr. de 2019.




DOI: https://doi.org/10.29183/2447-3073.MIX2019.v5.n2.19-30

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Luana Toralles Carbonari, Lisiane Ilha Librelotto

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Advanced Sciences

 
www.journal-index.org