Sobre a Revista

Foco e Escopo

O periódico Mix Sustentável apresenta como proposta a publicação de resultados de pesquisas e projetos, de forma virtual e impressa, com enfoque no tema sustentabilidade. Buscando a troca de informações entre pesquisadores da área, vinculados a programas de pós-graduação, abrirá espaço, ainda, para divulgação de profissionais inseridos no mercado de trabalho, além de entrevistas com pesquisadores nacionais e estrangeiros no tema da sustentabilidade. Publicará também, resumos de teses, dissertações e trabalhos de conclusão dos cursos de Engenharia Civil, Design e Arquitetura e Urbanismo, defendidos, tendo em vista a importância da produção projetual e não apenas textual nesta área.

O projeto englobando os preceitos da sustentabilidade é a única solução possível para que ocorra a união entre a filosofia da melhoria contínua com a necessidade cada vez maior de preservação dos recursos naturais e incremento na qualidade de vida do homem. A sustentabilidade carece de uma discussão profunda para difundir pesquisas e ações da comunidade acadêmica, que tem criado tecnologias menos degradantes na dimensão ambiental; mais econômicas e que ajudam a demover injustiças sociais a muito estabelecidas.

De acordo com a CAPES (2013), a área Interdisciplinar no contexto da pós-graduação, decorreu da necessidade de solucionar novos problemas que emergem no mundo contemporâneo, de diferentes naturezas e com variados níveis de complexidade, muitas vezes decorrentes do próprio avanço dos conhecimentos científicos e tecnológicos. A natureza complexa de tais problemas requer diálogos não só entre disciplinas próximas, dentro da mesma área do conhecimento, mas entre disciplinas de áreas diferentes, bem como entre saberes disciplinares e não disciplinares. Decorre daí a relevância de novas formas de produção de conhecimento e formação de recursos humanos, que assumam como objeto de investigação fenômenos que se colocam entre fronteiras disciplinares.

Desafios teóricos e metodológicos se apresentam para diferentes campos de saber. Novas formas de produção de conhecimento enriquecem e ampliam o campo das ciências pela exigência da incorporação de uma racionalidade mais ampla, que extrapola o pensamento estritamente disciplinar e sua metodologia de compartimentação e redução de objetos. Se o pensamento disciplinar, por um lado, confere avanços à ciência e tecnologia, por outro, os desdobramentos oriundos dos diversos campos do conhecimento são geradores de diferentes níveis de complexidade e requerem diálogos mais amplos, entre e além das disciplinas.

A Revista Mix Sustentável se insere, portanto, na Área Interdisciplinar (área 45), na Arquitetura, Urbanismo e Design (área 29), na Engenharia Civil (área 10) e, ainda, as engenharias em geral.

Missão

Publicar resultados de pesquisas e projetos, de forma virtual e impressa, com enfoque no tema sustentabilidade. Buscar a troca de informações entre acadêmicos, profissionais e pesquisadores da área vinculados a programas de pós-graduação.

Objetivos

Disseminar o conhecimento sobre sustentabilidade aplicada à projetos de engenharia, arquitetura e design.

Público-Alvo

Pesquisadores e profissionais da arquiteura e urbanismo, design e engenharias.

Políticas de  sessão e submissão

A Mix Sustentável passou a ser, partir de 2018, uma edição quadrimestral. O periódico está dividido em seções, quais sejam:

a)    Seção científica – contendo artigos científicos inéditos para socializar a produção acadêmica, buscando a valorização da pesquisa, do ensino e da extensão. Reúne no mínimo 12 artigos científicos que apresentam o inter-relacionnamento do tema sustentabilidade em projetos, nas áreas do design, engenharia e arquitetura.

Nas edições regulares, serão exigidos conteúdos originais e inéditos para aceite da publicação. Às edições especiais, que não serão objeto de qualificação da revista, publicarão conteúdos extendidos, resultantes das melhores avaliações de publicações submetidas à eventos científicos dentro do escopo da revista. 

b)    Seção graduação, iniciação científica e pós-graduação: divulgação de Teses, Dissertações e Trabalhos de Conclusão de Curso na forma de resumos expandidos e como forma de estimular a divulgação de trabalhos acadêmico-científicos voltados ao projeto para a sustentabilidade.

c)    Seção mercadológica: espaço para Resenhas e Entrevistas (Espaços de Diálogo). Apresenta duas entrevistas com profissionais atuantes no mercado, mostrando projetos práticos que tenham aplicações na esfera da sustentabilidade. Deverá ainda disponibilizar conversas com especialistas em sustentabilidade e/ou outros campos do saber.

Periodicidade Mix online a partir de 2018 - quadrimestral

 

 

Periodicidade MIX online - de 2015 a 2018

Periodicidade Mix Impressa 

Processo de Avaliação pelos Pares

A revista conta com um grupo de avaliadores especialistas no tema da sustentabilidade, doutores em suas áreas de atuação.

São aceitas contribuições originais, nacionais e internacionais, redigidos em português, inglês ou espanhol, oriúndas de instituições de ensino ou pesquisa e de profissionais que atuam no desenvolvimento tecnológico.

Os originais serão submetidos a avaliação à aprovação dos avaliadores (dupla e cega) com notório reconhecimento nos temas abordados pelos artigos submetidos a Revista Mix Sustentável.

Os trabalhos serão enviados para avaliação sem identificação de autoria. A avaliação consiste na emissão de pareceres por pelo menos dois avaliadores e por dois membros do conselho editorial da revista.

 

Periodicidade

Publicação Semestral com edições especiais de 2015 a 2018. Neste período foram publicadas duas edições regulares e pelo menos uma edição especial no ano editorial.

A partir de 2018, a revista passou a ser quadrimestral, aseegurando a publicação de pelo menos 12 artigos nas 3 edições regulares (totalizando o mínimo de 36 artigos publicados ao ano) e pelo menos uma edição especial.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Licença Creative Comuns

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.

Sponsors

Grupo de Pesquisa VirtuHab

SECULT/UFSC apoio em algumas edições

FAPESC apoio em agumas edições

CAPES (Bolsistas de Mestrado e Doutorado do PósARQ)

Fontes de Apoio

Aos acadêmicos do curso de Design e Arquitetura da UFSC, nossos bolsistas.

Aos mestrandos e doutorandos do PósARQ que contribuem com esta revista.

Aos financiadores do evento ENSUS - Encontro de Sustentabilidade em Projeto e demais projetos do Grupo de Pesquisa Virtuhab que de forma indireta também contribuem com esta revista.

Histórico do periódico

A revista Mix nasceu acompanhando a re-edição do Evento ENSUS - Encontro de Sustentabilidade em Projeto.

O ENSUS ocorreu em 2007, 2008 e 2009 na UNIVALI - Universidade do Vale do Itajaí e os melhores artigos do evento eram publicados na revista MIG.

Como o ENSUS 2016 foi realizado via Universidade Federal de Santa Catarina, surgiu a revista MIX Sustentável, para completar o conjunto de ações para disseminação da cultura do projeto para a sustentabilidade.

O ENSUS 2017, ocorreu de 03 a 05 de maios, na UFSC.

A primeira edição da revista Mix Sustentável foi lançada em 2015. Adquiriu QUALIS CAPES em sete áreas do conhecimento e busca constante melhoria de sua qualidade.

De 2015 a 2018 contou com duas edições regulares e duas edições especiais por ano, com periodicidade semestral. A partir de outubro de 2018 passou a contar com a publicação de 3 edições regulares ao ano e pelo menos uma edição especial, alterando sua periodicidade para quadrimestral.