RESUMO DISSERTAÇÃO: MOBILIDADE URBANA E SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL: A INTEGRAÇÃO ENTRE MODOS DE TRANSPORTE

Fernando Ferreira Lopes, Adriana Marques Rossetto

Resumo


  1. INTRODUÇÃO

Nos últimos anos, muito tem-se discutido sobre a mobilidade urbana sustentável no Brasil e no mundo. O conceito parece ter vida própria, projetos e planos são lançados por gestões municipais, estaduais e federais.

Nas últimas décadas, a questão ambiental começou a ser preocupação mundial, em pesquisas realizadas, considera-se que os automóveis são responsáveis por 23% das emissões de CO2 no globo terrestre. Desta forma, modos de transportes “alternativos” como a bicicleta, podem ser importantes na mudança de paradigma da sociedade no que diz respeito à superação dos problemas de tráfego e consequentemente trazer benefícios ambientais para as cidades. Porém, de acordo com Malatesta (2014), um dos maiores problemas da introdução das bicicletas nas cidades, é cultura do automóvel.

Portanto, a pesquisa tem como objetivo pesquisar a participação do transporte por bicicleta integrado ao sistema metroviário, mas também compreender sua participação no que diz respeito à sustentabilidade ambiental, que pode ser incentivada através do uso de modo integrado a sistemas de transporte de média e alta capacidade.

REFEÊNCIAS

MALATESTA, M. E. B. A bicicleta nas viagens cotidianas do Município de São Paulo. São Paulo, 2014, 230p., Tese (Doutorado na área de Planejamento Urbano e Regional). FAU-USP.


Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Fernando Ferreira Lopes, Adriana Marques Rossetto

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Advanced Sciences

 
www.journal-index.org