Entre “O Príncipe” e a “Razão de Estado”: apontamentos sobre a arte de governar entre as obras de Maquiavel e Botero

Autores

  • Diego Nunes Universidade Federal de Santa Catarina

Palavras-chave:

Razão de Estado, História do Direito Público, Giovanni Botero, Niccolò Machiavelli (Maquiavel).

Resumo

O presente trabalho tem por escopo analisar a Razão de Estado dentro da história do direito público como instrumento para a manipulação dos institutos jurídicos pelos governantes entre o fim do Medievo e Absolutismo por meio dos escritos de Giovanni Botero e Niccolò Machiavelli (Maquiavel).

Downloads

Publicado

2016-03-30

Edição

Seção

Críptica