DESIGN CRIATIVO DE MOBILIÁRIO ESCOLAR EM BAMBU SOB A PERSPECTIVA DA SUSTENTABILIDADE

Autores

  • Beatriz Maria Parreiras Pereira UFG - UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS
  • Stefany Alves Dantas UFG - UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS
  • Regis de Castro Ferreira UFG - UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS

DOI:

https://doi.org/10.29183/2447-3073.MIX2022.v8.n3.106%20-%20116

Resumo

O objetivo do trabalho foi o desenvolvimento de mobiliário escolar sustentável, direcionado a alunos de escola pública. Primeiramente, realizou-se investigação teórica sobre a situação da evasão escolar em Goiânia, GO, delimitando-se o público-alvo (alunos do 6º ao 9º ano da 2ª fase do ensino fundamental), para então, proceder a teorização sobre o tema baseando-se em metodologias e prática pedagógicas aplicadas ao ensino. Diagnosticou-se a ausência de um produto que propiciasse aos alunos o sentimento de pertencimento ao lugar e que os estimulassem como protagonistas do espaço. Em seguida, realizou-se a aplicação de metodologias de projeto de produto por meio de análise biônica, biomimética, croquis e modelagem 3D. Como premissa do estudo, o produto deveria abarcar uma visão sustentável, sendo essa incluída com o uso de um material renovável como alternativa aos convencionais, neste caso o bambu. Como resultado de inovação de novo produto, chegou-se a uma mesa em bambu com altura regulável e design lúdico. Conclui-se que o novo produto, além de incorporar requisitos sustentáveis, pode ressignificar e favorecer a infraestrutura do espaço escolar, exigindo mínima quantidade em recursos materiais para a geração de um ambiente de aprendizagem mais independente e agradável.

Biografia do Autor

Beatriz Maria Parreiras Pereira, UFG - UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS

UFG - UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁSFaculdade de Artes VisuaisGraduanda em Design de AmbienteAluna PIVIC (voluntária em iniciação científica)

Stefany Alves Dantas, UFG - UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS

UFG - UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁSFaculdade de Artes VisuaisGraduanda em Design de AmbienteAluna PIVIC (voluntária em iniciação científica)

Regis de Castro Ferreira, UFG - UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS

Universidade Federal de GoiásFaculdade de Artes VisuaisDoutor em Engenharia Agrícola - UNICAMP (2003)Pós-doc. Wageningen University - Paises Baixos (2013-2014)

Referências

AGÊNCIA IBGE. 11,8% dos jovens com menores rendimentos abandonaram a escola sem concluir a educação básica em 2018. Disponível em: <https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-sala-de-imprensa/2013-agencia-de-noticias/releases/25885-11-8-dos-jovens-com-menores-rendimentos-abandonaram-a-escola-sem-concluir-a-educacao-basica-em-2018>. Acesso em: 07 set 2020.

AHMAD, M.; KANKE, F. A. Analysis of Calcutta bamboo for structural composite materials: physical and mechanical properties. Wood Science Technology, v.39, p. 448–459, 2005.

ALCÂNTARA, WIARA. A transnacionalização de objetos escolares no fim do século XIX. Anais do Museu Paulista. São Paulo. v.24. n.2. p. 115-159. 2016

BAMBUZHU. Taxonomia do Bambu. Disponível em: <http://bambuzhu.com/bambu-suas-especies-e-potencial/especies-bambu/>. Acesso em: 20 set 2020.

BAXTER, Mike. Projeto de Produto: Guia prático para o design de novos produtos. 2 ed. São Paulo: Edgar Blücher, 2000. 260 p.

BONSIEPE, Gui.; KELLNER, Petra.; POESSNECKER, Holger. Metodologia Experimental: Desenho Industrial. Brasília: CNPq, 1984. 86 p.

BORAN Sevda; ÇAVDAR Ayfer.; BARBU, Marius. Evaluation of Bamboo as Furniture Material and its Furniture Designs. v.9, nº 4, pp. 811-819, 2013.

CAROLINE, L. História da Educação Física no Brasil – Resumo. Disponível em: <https://educaescola.com.br/disciplinas/educacao-fisica/historia-da-educacao-fisica-no-brasil-resumo> Acesso em: 01 set 2020

CHANG, Young-Hui, TING, Lena. Mechanical evidence that flamingos can support their body on one leg with little active muscular force. Biology Letters, n.13. Disponível em: <https://royalsocietypublishing.org/doi/pdf/10.1098/rsbl.2016.0948>. Acesso em: 20 jun 2020.

DAYRELL, Juarez Tarcísio. A escola como espaço sociocultural. In: DAYRELL, J. (org.) Múltiplos olhares sobre educação e cultura. Belo Horizonte: Editora UFMG, 1996.

EVASÃO ESCOLAR. Profissão Repórter, Brasil: Rede Globo, 23 de maio de 2018. Programa de TV.

EXOTIC SEEDS. Dendrocalamus strictus. 2020. Disponível em: <https://www.exotic-seeds.store/pt/inicio/sementes-de-bambu-ferro.html>. Acesso em: 20 set 2020.

FUCK, Marcos Paulo; VILHA, Anapatrícia Morales. Inovação Tecnológica: da definição à ação. Contemporâneos: Revista de Artes e Humanidades, n.9, 2012. Disponível em: <https://revistacontemporaneos.com.br/n9/dossie/inovacao-tecnologica.pdf>. Acesso em 20 set 2020.

IPEA. Desenvolvimento Sustentável, Economia Verde e a Rio+20 In: PINHEIRO, Maurício Mota Saboya. Desenvolvimento Sustentável e Economia Verde: uma proposta de análise conceitual. Brasília: IPEA, 2012. Disponível em: <http://repositorio.ipea.gov.br/bitstream/11058/7742/1/RP_Desenvolvimento_2012.pdf>. Acesso em: 20 set 2020.

LÖBACH, Bernd. Design Industrial: Bases para a configuração dos produtos industriais. 1 ed. São Paulo: Edgar Blücher, 2001. 207 p.

LUKE, Fuad. 'Slow Design': A paradigm shift in design philosophy? Development by Design, Bangalore, India, 01-02 December 2002. Disponível em: https://carlosfiorentino.files.wordpress.com/2010/03/slow-des.pdf. Acesso em: 26 set 2020.

MEC, Brasil. Mobiliário Escolar – Ensino Fundamental. Caderno Técnico I. 2011. Disponível em: http://dominiopublico.mec.gov.br/download/texto/me002628.pdf. Acesso em 26 set 2020.

O ESTADÃO. Ensino híbrido e a sala de aula invertida. <https://educacao.estadao.com.br/blogs/colegio-prudente/ensino-hibrido-e-a-sala-de-aula-invertida-o-aluno-como-protagonista-do-proprio-aprendizado/>. Acesso em: 07 set 2020.

OLIVEIRA, Fernando Andrade; GUMIERI, Adriana Guerra. Conhecendo bambus e suas potencialidades para uso na construção civil. 2013. Monografia (Especialização em Construção Civil) – Escola de Engenharia, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2013. Disponível em: <https://repositorio.ufmg.br/bitstream/1843/BUBD-9GBPWL/1/monografia_conhecendo_bambus_e_suas_potencialidades___luiz_fernando_andrade__de_oliveira.pdf>. Acesso em: 20 set 2020.

O POPULAR. Maioria sai da escola sem aprender o mínimo necessário. 2012. Disponível em: <https://www.opopular.com.br/noticias/cidades/abandono-escolar-cai-e-revela-desafio-1.1298528>. Acesso em: 20 set 2020.

O POPULAR. Nenhuma escola em Goiás tem infraestrutura exigida. 2016. <https://www.opopular.com.br/nenhuma-escola-em-goi%C3%A1s-tem-infraestrutura-exigida-1.1125175>. Acesso em: 20 set 2020.

PEREIRA, Rita de Cássia; BRANDÃO, André; DALT, Salete da. A Evasão

RAMOS, Jaime; SELL, Ingeborg. A biônica no projeto de produtos. Production, v.4, n.2, p.94-108, 1994

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE GOIÂNIA. Proposta Político-Pedagógica para a Educação Fundamental da Infância e da Adolescência, aprovada pelo Conselho Municipal de Educação de Goiânia, por meio da Resolução n. 240, de 17 de dezembro de 2008, prorrogada pela Resolução CME n. 128, de 29 de agosto de 2011. DOI 10.5216/ia.v37i1.18878

SOUZA, F. R. Fotografias escolares: a leitura de imagens na história da escola primária. Educar, Curitiba, n.18, p. 75-101. 2001. Disponível em: <https://www.scielo.br/pdf/er/n18/n18a07.pdf> Acesso em: 01 set 2020

UOL EDUCAÇÂO. Veja como eram os uniformes escolares no século passado. 2010. Disponível em: <https://educacao.uol.com.br/album/mobile/2014/02/08/veja-como-eram-os-uniformes-escolares-no-seculo-passado.htm>. Acesso em: 01 set 2020.

VILHA, Anapatrícia Morales; QUADROS, Ruy. Gestão da inovação sob a perspectiva do desenvolvimento sustentável: lições das estratégias e práticas na indústria de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos. Revista de Administração e Inovação, São Paulo, v.9, n.3, p. 28-52, 2012

YO. O que (ainda) estamos ensinando em nossas escolas. Disponível em: <http://bloggdoyo.blogspot.com/2018/04/o-que-ainda-estamos-ensinando-nas.html>. Acesso em: 07 set 2020.

Downloads

Publicado

2022-05-31

Como Citar

Pereira, B. M. P., Dantas, S. A., & Ferreira, R. de C. (2022). DESIGN CRIATIVO DE MOBILIÁRIO ESCOLAR EM BAMBU SOB A PERSPECTIVA DA SUSTENTABILIDADE. IX Sustentável, 8(3), 106–116. https://doi.org/10.29183/2447-3073.MIX2022.v8.n3.106 - 116

Edição

Seção

Científica