APLICAÇÃO ESTRUTURAL DO BAMBU – TESOURAS DE DUAS ÁGUAS: ANÁLISE TEÓRICA-EXPERIMENTAL

Vitória Maria Gonçalves, Gilberto Carbonari, Gustavo Proni

Resumo


O bambu é uma excelente alternativa sustentável, de elevada resistência, com baixo peso específico e renovável. Graças a um tratamento natural eficiente descoberto recentemente, utilizando Tanino, a durabilidade conferida permite a sua utilização em várias aplicações na construção civil. O objetivo do trabalho foi obter um método para execução de tesouras mais eficientes estruturalmente e verificar a sua viabilidade prática em coberturas de edificações. Para isto, foram executadas 6 tesouras de bambu, da espécie Dendrocalamus giganteus, reforçadas com graute e abraçadeiras metálicas. As tesouras foram posicionadas em um pórtico em que uma carga concentrada foi aplicada no ponto superior da tesoura até a ruptura, gerando dados de deslocamentos e cargas últimas. Desta forma, analisou-se o comportamento de cada tesoura quando submetida à esforços. Os resultados comprovaram que os reforços, além da utilização de barras roscadas nas uniões das barras das tesouras, agregam um significativo acréscimo de resistência mecânica para a referida estrutura. Além disso, os valores obtidos das cargas e deslocamentos nos ensaios realizados permitiram concluir que as tesouras podem ser usadas com segurança em coberturas de edificações, pois atendem aos critérios do Estado Limite de Serviço (E.L.S.) e do Estado Limite Último (E.L.U.).


Palavras-chave


Sustentabilidade; Tesouras de bambu; Aplicação estrutural;

Texto completo:

PDF/A

Referências


BARBOSA, Diogo Rodrigo; CARBONARI, Gilberto. Estudo experimental de tesouras de bambu. In: V Encontro de Sustentabilidade em Projeto, 2017, Florianópolis. ENSUS 2017. Florianópolis: UFSC, 2017. v. 1. p. 1.

CARBONARI, Gilberto. Tratamento do Bambu com Tanino. 2013. (Brasil). Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: BR1020130207888, título: Tratamento do Bambu com Tanino. Instituição de registro: INPI Instituto Nacional da Propriedade Industrial.

CARBONARI, Gilberto; DA SILVA JR, Nelson Matias; PEDROSA, Nícolas Henrique; ABE, Camila H.; SCHOLTZ, Marcos F.; ACOSTA, Caio. C. V.; CARBONARI, Luana T. . Propriedades Mecânicas de Várias Espécies de Bambu. In: XV EBRAMEM - Encontro Brasileiro em Madeiras e em Estruturas de Madeira, 2016, Curitiba. Anais do EBRAMEM-Encontro Brasileiro em Madeiras e em Estruturas de Madeira, 2016.

CARBONARI, Gilberto; DA SILVA JR, Nelson Matias; PEDROSA, Nícolas Henrique; ABE, Camila Hirome; SCHOLTZ, Marcos F.; ACOSTA, Caio. C. V.; CARBONARI, Luana T.. Bambu - O aço vegetal. Mix Sustentável, v. 3, p. 17-25, 2017.

GONÇALVES, Vitória Maria. Estudo teórico e experimental de tesouras de bambu. 2018. 118 páginas. Trabalho de conclusão de curso (Graduação em Engenharia Civil) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2018.

JANSSEN, Jules J.A. Designing and Building with Bamboo. TECHNICAL REPORT NO. 20, International Network for Bamboo and Rattan 2000.

LÓPEZ, Oscar Hidalgo. Manual de construcción com bambú: construcción rural. 1.ed. Bogotá: Estudios Técnicos Colombianos Ltda, 1981.

PADOVAN, R. B. O bambu na arquitetura: design de conexões estruturais. 2010. 182f. Monografia (Especialização em Design) - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", Bauru, 2010.

PRONI, Gustavo. Comportamento Mecânico-Experimental de Tesouras em Bambu. Trabalho de Conclusão de Curso. Curso de Bacharelado em Engenharia Civil. Centro de Tecnologia e Urbanismo. Universidade Estadual de Londrina, 2018.

SÁNCHEZ QUINTERO, Carlos Andrés. Desenvolvimento de uma ligação estrutural para construção com bambu Guadua. 2015. Dissertação (Mestrado). Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis – SC, 2015.

VASCONCELLOS, Raphael Moras de. Cartilha de Fabricação de Móveis de Bambu. 1.ed. Maceió: Instituto do Bambu, 2004




DOI: https://doi.org/10.29183/2447-3073.MIX2019.v5.n1.19-33

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Vitória Maria Gonçalves

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.