PRODUÇÃO E USO DE DEQUES MODULARES DE BAMBU E MADEIRA

Fabiano Ostapiv, Celso Salamon

Resumo


Este trabalho mostra a produção manual de ripas de bambu a partir de colmos de Dendrocalamus asper, usando ferramentas e procedimentos simples. As ripas de bambu foram produzidas por faqueamento e usadas, junto com ripas comerciais de madeira de araucária, para construir deques modulares quadrados de 40 por 40 cm. Estes deques podem ser utilizados de modos diferentes para montar móveis, portas, janelas, paredes, divisórias, forros e pisos. Foi feita a análise de tempos e movimentos produtivos para a produção de 40 deques modulares de bambu e madeira. Para a produção dos lotes foram usadas 160 ripas de bambu extraídas da base dos colmos de bambu e outras 160 ripas retiradas da região do meio dos colmos. Verificou-se que o tempo para a produção manual de ripas de bambu da região da base é do colmo é em média, 27%   maior que o tempo para obtenção de ripas da região do meio do colmo. Por fim, foi feita uma sugestão de um arranjo produtivo para a fabricação seriada dos deques modulares de bambu e madeira. .

Palavras-chave


Produtos modulares; Bambu e madeira; Cronoanálise

Texto completo:

PDF/A

Referências


BARNES, R. M.; “Estudo de movimentos e de tempos – Projeto e medida do trabalho”. Ed. Blucher, 1ª ed, SP, 1977.

BERNDSEN, R.S.; KLITZKE, R.J.; BATISTA, D.C.; NASCIMENTO, E.M.; OSTAPIV, F.; ”Mechanical resistance of moso bamboo (Phyllostachys pubescens) Part 2: axial tensile strength, hardness and wear resistance” FLORESTA, v.44, n°3, p. 505 – 514, jul./set. 2014 – Curitiba PR.

CARBONARI, G.; SILVA Jr, N. M.; PEDROSA, N.H.; ABE, C.H.; SCHOLTZ, M.F.; ACOSTA. C.C.V.; CARBONARI, L.T.; “Bambu – O aço vegetal” Mix Sustentável, Edição 5, v.3, n°1, Florianópolis, SC, 2017.

FADE, B.C.; OSTAPIV, F. SALAMON, C. “Bambu como alternativa ao uso da madeira na produção de decks para a construção civil – estudo de caso em uma Comunidade caiçara no município de Guaraqueçaba PR”. XI EBRAMEM Encontro Brasileiro em Madeira e Estruturas de Madeira, Londrina –julho 2008.

HIDALGO, L.O.; “Bamboo – The gift of the gods” D’ vinni Ltda, Bogota - Colombia, 2003.

JANSSEN, J.; “Building with bamboo. A handbook”. Warwickshire: ITDG Publishing, 1995.

OSTAPIV, F.; “Análise e melhoria do processo produtivo de tábuas de bambu (Phyllostachys pubescens) com foco em pisos”. 111f. Dissertação (Mestrado em Engenharia) - Programa de Pós-graduação em Engenharia Mecânica e de Materiais, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2007.

OSTAPIV, F.; SALAMON, C.; GONÇALVES, M.T.T.; “Estrutura da Madeira de Bambu mossô (Phyllostachys pubescens) e seus usos industriais - perspectivas para o mercado brasileiro”. XI Encontro Brasileiro de Madeiras e Estruturas em Madeira - EBRAMEM, Londrina, PR, julho 2008.

OSTAPIV, F.; “Resistência mecânica do material compósito: madeira de eucalipto-lâmina de bambu”. 148f. Tese de Doutorado. Guaratinguetá: Faculdade de Engenharia do Campus de Guaratinguetá, Universidade Estadual Paulista, 2011.

OSTAPIV, F.; “Produção e uso de materiais compósitos bambu-PET na construção civil popular” Capítulo de: Bambus no Brasil, da Biologia à Tecnologia. 1ª ed. ICH-Instituto Ciência Hoje, pág. 494 a 510, RJ, 2017.

SALAMON. C.; “Ensaios para viabilizar a laminação do bambu Dendrocalamus giganteus em operações de torneamento sem centros”. 113 f. Tese (Doutorado em Engenharia Mecânica) – Faculdade de Engenharia do Campus de Guaratinguetá Universidade Estadual Paulista, Guaratinguetá, 2009.

SILVA, J.C.B.V.; LIMA, N.; OLIVEIRA. V.M.; “Estufa ecológica. Uso do bambu em bioconstruções”. Manual Referências Agroecológicas. CPRA, 32p – Curitiba, 2011.

SILVA, A.V.; COIMBRA, R.R.C.; “Manual de tempos e métodos”. São Paulo: Hemus,




DOI: https://doi.org/10.29183/2447-3073.MIX2019.v5.n1.43-51

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Fabiano Ostapiv

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.