COMPARATIVO DE IMPACTO AMBIENTAL DE SISTEMAS CONSTRUTIVOS DE SUPERESTRUTURAS DE PONTES

Taylana Piccinini Scolaro, Luiz Eduardo Pereira, Jairo Trombetta

Resumo


O presente estudo teve por objetivo desenvolver uma análise comparativa entre projetos de superestruturas de pontes de concreto pré-fabricado, madeira e mista aço/concreto, para três comprimentos de vão. Os projetos foram analisados quanto à geração de impacto ambiental através do desempenho apresentado em parâmetros estabelecidos dentro das categorias: consumo de energia, emissões atmosféricas e esgotamento de recursos. Foi realizada a análise do ciclo de vida dos materiais do berço ao portão. Os resultados permitiram identificar a superestrutura com o comportamento mais satisfatório em cada parâmetro. A ponte em madeira apresentou os melhores resultados em todos os parâmetros das categorias emissões atmosféricas e esgotamento de recursos naturais, por outro lado, exibiu grande consumo de energia. Em relação às demais superestruturas, o desempenho mais satisfatório em cada parâmetro das categorias variou com o comprimento do vão. Este estudo constitui uma importante ferramenta de auxílio à tomada de decisão com vistas à construção sustentável.


Palavras-chave


Impacto ambiental; Pontes; Comparativo

Texto completo:

PDF/A

Referências


ABNT. NBR ISO 14040: Gestão ambiental - Avaliação do ciclo de vida - Princípios e estrutura. Rio de Janeiro. 2009.

______. NBR 6118: Projeto de estruturas de concreto – Procedimento. Rio de Janeiro. 2014.

______. NBR 7188: Carga móvel rodoviária e de pedestres em pontes, viadutos, passarelas e outras estruturas. Rio de Janeiro. 2013.

ANDRADE, T. F. R. Integração da análise ciclo de vida nas práticas de projetos de edifícios. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil) – Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, Porto, 2013. Disponível em: https://hdl.handle.net/10216/76483.

CASTRO, R. R. T. L. Análise da sustentabilidade de estruturas: aço vs betão. Tese (Doutorado em Construção e Reabilitação Sustentáveis) – Universidade do Minho, Braga, 2012. Disponível em: http://hdl.handle.net/1822/24766.

DA SILVA, F. J.; PHILIPPSEN, M. Estudo e concepção de modelo geométrico e estrutural de ponte em vigas de madeira roliça de eucalipto para estradas vicinais da Região Sudoeste do Estado do Paraná. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Civil) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco, 2015. Disponível em: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/7146.

DER. Departamento de Estradas de Rodagem. Construção de Pontes Municipais. Especificações técnicas, projetos tipo e montagem. 1999.

DU, G. et al. Life cycle assessment as a decision support tool for bridge procurement: environmental impact comparison among five bridge designs. Int J Life Cycle Assess, n.19, p.1948–1964, 2014. Disponível em: https://link.springer.com/article/10.1007/s11367-014-0797-z.

ELLER, P. R. Pré-Dimensionamento de Vigas Mistas de Aço e Concreto para Pontes de Pequeno Porte. Dissertação (Mestrado em Ciências da Engenharia Civil) – Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2011. Disponível em: https://www.propec.ufop.br/uploads/propec_2016/teses/arquivos/tese175.pdf.

GERVÁSIO, H. A sustentabilidade do aço e das estruturas metálicas. In: Congresso Latino-Americano da construção metálica

CONSTRUMETAL. São Paulo, Brasil. 2008. Disponível em: https://www.abcem.org.br/construmetal/2008/downloads/PDFs/27_Helena_Gervasio.pdf.

MACHADO, L. R. Pontilhões de madeira: substituição por pontes em estruturas mistas. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Civil) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2016. Disponível em: http://hdl.handle.net/10183/148732.

MILANI, C. J. Subsídios para o diagnóstico das pontes do sistema viário do município de Pato Branco – Paraná. 216f. Dissertação (Mestrado em Engenharia) –Universidade de Passo Fundo, Passo Fundo, 2010. Disponível em: http://tede.upf.br:8080/jspui/handle/tede/260.

TAYLOR, S. E.; RITTER, M.A; MURPHY, G. L. Portable glulam timber bridge design for low-volume forest roads. In: Proceedings of the 6th International conference on low-volume roads, p. 25-29, 1995. Disponível em: https://pdfs.semanticscholar.org/6dee/e0b6900db575d1861450e31814c8dbe3ddbf.pdf.




DOI: https://doi.org/10.29183/2447-3073.MIX2020.v6.n3.107-116

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Taylana Piccinini Scolaro, Luiz Eduardo Pereira, Jairo Trombetta

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Advanced Sciences

 
www.journal-index.org