DESIGN DE INTERIORES COMO FERRAMENTA PARA SUSTENTABILIDADE

Ana Lúcia Keiko Nishida, Damares Luiza Silveira de Carvalho

Resumo


Este artigo é resultado do projeto de extensão permanente, intitulado Utilização de Materiais de Descarte na Fabricação de Pisos, Revestimentos e Mobiliários (Reveste), da Universidade Norte do Paraná (UNOPAR) do curso de Tecnologia em Design de Interiores. Com o objetivo de evidenciar as formas de reutilização dos materiais em fase de descarte, este artigo mostra o estudo realizado para o desenvolvimento e execução de móveis e artefatos decorativos a partir de princípios sustentáveis. Os mobiliários desenvolvidos foram feitos para a feira anual expo londrina 2017 e para o centro de educação Infantil Governador Jose Richa, que ocorreu em março para a exposição e em seguida no mês de dezembro ao final do ano letivo. Onde a comunidade pôde conhecer e receber as informações do processo de estudo, de desenvolvimento e execução dos móveis. Os materiais utilizados para o estudo foram pneus, caixas de feira, pallets, caixas de para-brisas automotivos e sementes impróprias para consumo.


Palavras-chave


Sustentabilidade; Reutilização; Design de Interiores

Texto completo:

PDF PDF/A

Referências


AEP Associação Empresarial de Portugal. Manual Prático de Ecodesign. Dez. 2013. ISSN 978-972-8702-83-0

ARAUJO, Rosângela; FERNANDES, Valdir; RAUEN, William. Indicadores de sustentabilidade no contexto do design de produtos. Rev. Portuguesa e Brasileira de Gestão, Lisboa, v. 14, n. 2, p. 14-27, jun. 2015

CÔRTES, Rogério Gomes. FRANÇA, Sérgio Luiz Braga. QUELHAS, Osvaldo Luiz Gonçalves. MOREIRA, Marcos Muniz. MEIRINO, Marcelo Jasmim. Contribuições para a sustentabilidade na construção civil. Revista Eletrônica Sistemas&Gestão v.6, n.3, 2011, pp. 384-397 DOI: 10.7177/sg.2011.v6.n3.a10

COUTINHO. Eloyse Cabral. Conceito sustentável na decoração de interiores. Revista Especialize On-line IPOG - Goiânia - 5ª Edição nº 005 Vol.01/2013 – julho/2013. ISSN 2179-5568

ELEMENTOS Instituto de educação e pesquisa ambiental. Consumo sustentável e manual de atividades. Coleção Consumo Sustentável e Ação, 2009. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo. ISBN 978-85-7060-705-8 (Imprensa Oficial). ISBN 978-85-7060-711-9 (Obra Completa) (Imprensa Oficial).

JUNIOR, Adelson Moura da Silva; LIMA, Sandovânio Ferreira de. Ecodesign e análise do ciclo de vida: Futuro Sustentável. Ciências exatas e tecnológicas | Maceió | v. 2 | n.3 | p. 47-62 | Maio 2015. ISSN IMPRESSO 1980-1777. ISSN ELETRÔNICO 2357-9919.

JUNIOR, Joel Vieira Baptista. ROMANEL, Celso. Sustentabilidade na indústria da construção: uma logística para reciclagem dos resíduos de pequenas obras. Urbe. Revista Brasileira de Gestão Urbana. v. 5, n. 2, p. 27-37, jul/dez. 2013.

GIRARDI, Giovana. Brasil produz lixo como primeiro mundo, mas faz descarte como nações pobres. Disponível em: http://sustentabilidade.estadao.com.br/blogs/ambiente-se/brasil-produz-lixo-como-primeiro-mundo-mas-faz-descarte-como-nacoes-pobres/ Acesso em 27 fev. 2018.

LIMA, Ana Karmen Fontenele Guimaraes. Consumo e sustentabilidade: em busca de novos paradigmas numa sociedade pós-industrial. XIX Encontro Nacional do CONPEDI. Fortaleza - CE 12 de jun. de 2010.

MARTELI, Andrei Jose Santos. Análise do gerenciamento de resíduos de tecidos sintéticos nas empresas de confecções do Município de Cianorte. Dissertação (mestrado profissional) – Universidade Federal do Paraná, SENAI - PR, Universität Sttutgart, Setor de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Meio Ambiente Urbano e Industrial. Curitiba, 2011.

MENEGUCCI, Franciele; MARTELI, Letícia; CAMARGO, Maristela; VITO, Meriele. Resíduos têxteis: Análise sobre descarte e reaproveitamento nas indústrias de confecção. Congresso Nacional de Excelência em Gestão. Rio de Janeiro – RJ. 13 e 14 de agosto de 2015. ISSN 1984-9354.

MOXON, Siân. Sustentabilidade no Design de Interiores. São Paulo: G. Gilli, 2012. ISBN: 9788425224836

NBR 11861. Mangueira de incêndio - Requisitos e métodos de ensaio. ABNT -Associação Brasileira de Normas Técnicas. Out. 1988.

PANERO, Julius. MARTIN, Zelnik. Dimensionamento humano para espaços interiores. São Paulo: G. Gilli, 2014. 1ª edição. 10ª publicação. ISBN: 9788425218354

ROSS, Alana. BECKER, Elsbeth Leia Spode. EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE. Revista Eletrônica em Gestão, Educação e Tecnologia Ambiental. REGET/UFSM. v(5), n°5, p. 857 - 866, 2012. e-ISSN: 2236-1170

RETALHOS DE TECIDOS: NO LUGAR DO DESPERDÍCIO, NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS. SEBRAE. Disponível em: http://www.sebraemercados.com.br/retalhos-de-tecidos-no-lugar-do-desperdicio-negocios-sustentaveis/ Acesso em 06 de setembro de 2018.

REZENDE, G.B.M; BRITO, A.L.C; FREITAS, L.S. A pratica do ecodesign na construção civil e a busca pelo direito fundamental ao meio ambiente ecologicamente equilibrado. HOLOS, Ano 33, Vol 04. ISSN 1807-1600. DOI: 10.15628/holos.2017.3961

SINPEC - Sindicato Nacional da Indústria de Pneumáticos, Câmaras de Ar e Camelback. Matéria-primas. Disponível em: http://www.fiesp.com.br/sinpec/sobre-o-sinpec/historia-do-pneu/fabricacao/ Acesso em: 22 de nov. 2017.

PROGRAMA DE GESTÃO AMBIENTAL DA UEL. Disponível em: http://www.uel.br/programas/reciclauel/ Acesso em 06 de setembro de 2018.




DOI: https://doi.org/10.29183/2447-3073.MIX2018.v4.n3.75-85

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Ana Lúcia Keiko Nishida, Damares Luiza Silveira de Carvalho

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Advanced Sciences

 
www.journal-index.org