COOLHOUSE – PROJETO DE INVESTIGAÇÃO EM ESTRATÉGIAS INOVADORAS DE VENTILAÇÃO E ARREFECIMENTO NO SUL DE PORTUGAL

Afonso Henriques Ferreira Monteiro

Resumo


Com o primordial objetivo de contribuir para o desenvolvimento sustentável, com foco em atividades chave cruciais para o bem estar social e competividade econômica na Europa, o CORDIS, serviço de informação de pesquisa e desenvolvimento da Comunidade Europeia, lançou, em 1998, o Programa FP5-EESD – Programme for research, technological development and demonstration on "Energy, environment and sustainable development (Programa para pesquisa, desenvolvimento tecnológico e validação em “Desenvolvimento energético, ambiental e sustentável). Tendo por base este programa foi desenvolvido, no sul de Portugal, o projeto Coolhouse-Cooling Houses in Southern Europe Using Innovative Ventilation Strategies, o qual teve como desafio provar que alternativas para condicionamento de ar em edifícios domésticos existem, são práticas e fornecem condições de conforto idênticas a construções com sistemas de arrefecimento de ar  convencional. No presente artigo descreve-se o desenvolvimento do projeto desde a sua fase conceptual até a sua execução prática, bem como resultados obtidos, tanto técnicos como econômicos.


Palavras-chave


Arquitetura Passiva; Eficiência Energética; Coolhouse; Arquitetura Sustentável

Texto completo:

PDF/A

Referências


ALMAVERDE VILLAGE & SPA – Arq. Jes Mainwaring: Projetos, especificações e imagens

EU FIFTH FRAMEWORK PROGRAMME – Comunidade Europeia 1998

ASHRAE - American Society of Heating, Refrigerating and Air-Conditioning Engineers. Norma 55-2004: Thermal Environmental Conditions for Human Occupancy

LEGISLAÇÃO PORTUGUESA – Decretos-Lei nº 555/99 e nº 118/2013.




DOI: https://doi.org/10.29183/2447-3073.MIX2019.v5.n2.71-83

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Afonso Henriques Ferreira Monteiro

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.