DESIGN DE INTERIORES COMO FERRAMENTA PARA SUSTENTABILIDADE

Ana Lúcia Keiko Nishida, Damares Luiza Silveira de Carvalho

Resumo


Este artigo é resultado do projeto de extensão permanente, intitulado Utilização de Materiais de Descarte na Fabricação de Pisos, Revestimentos e Mobiliários (Reveste), da Universidade Norte do Paraná (UNOPAR) do curso de Tecnologia em Design de Interiores. Com o objetivo de evidenciar as formas de reutilização dos materiais em fase de descarte, este artigo mostra o estudo realizado para o desenvolvimento e execução de móveis e artefatos decorativos a partir de princípios sustentáveis. Os mobiliários desenvolvidos foram feitos para a feira anual expo londrina 2017 e para o centro de educação Infantil Governador Jose Richa, que ocorreu em março para a exposição e em seguida no mês de dezembro ao final do ano letivo. Onde a comunidade pôde conhecer e receber as informações do processo de estudo, de desenvolvimento e execução dos móveis. Os materiais utilizados para o estudo foram pneus, caixas de feira, pallets, caixas de para-brisas automotivos e sementes impróprias para consumo.


Palavras-chave


Sustentabilidade; Reutilização; Design de Interiores

Texto completo:

PDF PDF/A

Referências


AEP Associação Empresarial de Portugal. Manual Prático de Ecodesign. Dez. 2013. ISSN 978-972-8702-83-0

ARAUJO, Rosângela; FERNANDES, Valdir; RAUEN, William. Indicadores de sustentabilidade no contexto do design de produtos. Rev. Portuguesa e Brasileira de Gestão, Lisboa, v. 14, n. 2, p. 14-27, jun. 2015

CÔRTES, Rogério Gomes. FRANÇA, Sérgio Luiz Braga. QUELHAS, Osvaldo Luiz Gonçalves. MOREIRA, Marcos Muniz. MEIRINO, Marcelo Jasmim. Contribuições para a sustentabilidade na construção civil. Revista Eletrônica Sistemas&Gestão v.6, n.3, 2011, pp. 384-397 DOI: 10.7177/sg.2011.v6.n3.a10

COUTINHO. Eloyse Cabral. Conceito sustentável na decoração de interiores. Revista Especialize On-line IPOG - Goiânia - 5ª Edição nº 005 Vol.01/2013 – julho/2013. ISSN 2179-5568

ELEMENTOS Instituto de educação e pesquisa ambiental. Consumo sustentável e manual de atividades. Coleção Consumo Sustentável e Ação, 2009. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo. ISBN 978-85-7060-705-8 (Imprensa Oficial). ISBN 978-85-7060-711-9 (Obra Completa) (Imprensa Oficial).

JUNIOR, Adelson Moura da Silva; LIMA, Sandovânio Ferreira de. Ecodesign e análise do ciclo de vida: Futuro Sustentável. Ciências exatas e tecnológicas | Maceió | v. 2 | n.3 | p. 47-62 | Maio 2015. ISSN IMPRESSO 1980-1777. ISSN ELETRÔNICO 2357-9919.

JUNIOR, Joel Vieira Baptista. ROMANEL, Celso. Sustentabilidade na indústria da construção: uma logística para reciclagem dos resíduos de pequenas obras. Urbe. Revista Brasileira de Gestão Urbana. v. 5, n. 2, p. 27-37, jul/dez. 2013.

GIRARDI, Giovana. Brasil produz lixo como primeiro mundo, mas faz descarte como nações pobres. Disponível em: http://sustentabilidade.estadao.com.br/blogs/ambiente-se/brasil-produz-lixo-como-primeiro-mundo-mas-faz-descarte-como-nacoes-pobres/ Acesso em 27 fev. 2018.

LIMA, Ana Karmen Fontenele Guimaraes. Consumo e sustentabilidade: em busca de novos paradigmas numa sociedade pós-industrial. XIX Encontro Nacional do CONPEDI. Fortaleza - CE 12 de jun. de 2010.

MARTELI, Andrei Jose Santos. Análise do gerenciamento de resíduos de tecidos sintéticos nas empresas de confecções do Município de Cianorte. Dissertação (mestrado profissional) – Universidade Federal do Paraná, SENAI - PR, Universität Sttutgart, Setor de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Meio Ambiente Urbano e Industrial. Curitiba, 2011.

MENEGUCCI, Franciele; MARTELI, Letícia; CAMARGO, Maristela; VITO, Meriele. Resíduos têxteis: Análise sobre descarte e reaproveitamento nas indústrias de confecção. Congresso Nacional de Excelência em Gestão. Rio de Janeiro – RJ. 13 e 14 de agosto de 2015. ISSN 1984-9354.

MOXON, Siân. Sustentabilidade no Design de Interiores. São Paulo: G. Gilli, 2012. ISBN: 9788425224836

NBR 11861. Mangueira de incêndio - Requisitos e métodos de ensaio. ABNT -Associação Brasileira de Normas Técnicas. Out. 1988.

PANERO, Julius. MARTIN, Zelnik. Dimensionamento humano para espaços interiores. São Paulo: G. Gilli, 2014. 1ª edição. 10ª publicação. ISBN: 9788425218354

ROSS, Alana. BECKER, Elsbeth Leia Spode. EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE. Revista Eletrônica em Gestão, Educação e Tecnologia Ambiental. REGET/UFSM. v(5), n°5, p. 857 - 866, 2012. e-ISSN: 2236-1170

RETALHOS DE TECIDOS: NO LUGAR DO DESPERDÍCIO, NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS. SEBRAE. Disponível em: http://www.sebraemercados.com.br/retalhos-de-tecidos-no-lugar-do-desperdicio-negocios-sustentaveis/ Acesso em 06 de setembro de 2018.

REZENDE, G.B.M; BRITO, A.L.C; FREITAS, L.S. A pratica do ecodesign na construção civil e a busca pelo direito fundamental ao meio ambiente ecologicamente equilibrado. HOLOS, Ano 33, Vol 04. ISSN 1807-1600. DOI: 10.15628/holos.2017.3961

SINPEC - Sindicato Nacional da Indústria de Pneumáticos, Câmaras de Ar e Camelback. Matéria-primas. Disponível em: http://www.fiesp.com.br/sinpec/sobre-o-sinpec/historia-do-pneu/fabricacao/ Acesso em: 22 de nov. 2017.

PROGRAMA DE GESTÃO AMBIENTAL DA UEL. Disponível em: http://www.uel.br/programas/reciclauel/ Acesso em 06 de setembro de 2018.




DOI: https://doi.org/10.29183/2447-3073.MIX2018.v4.n3.75-85

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Ana Lúcia Keiko Nishida, Damares Luiza Silveira de Carvalho

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.