ANÁLISE DE VIABILIDADE ECONÔMICA PERANTE TÉCNICAS CONSTRUTIVAS PARA UMA ESTRUTURA GEODÉSICA DE BAMBU

Cinthia Mayara Geiss, Rafael Grosselli Damo

Resumo


Ainda existe um enorme preconceito para utilização do bambu, no Brasil, como material para a construção civil, fator este que se deve principalmente ao desconhecimento sobre as suas características em virtude à falta de normativa técnica. A sustentabilidade é primordial para o desenvolvimento mundial e o bambu atende as premissas para este conceito, podendo ser utilizado em diversas finalidades, entre elas a construção de leves estruturas flexíveis. Para a presente pesquisa foi elaborado um projeto de um centro artístico-cultural no interior do Município de Chapecó-SC, o volume projetado  será uma geodésica aonde o bambu tornou-se o protagonista da idealização, a partir de reflexões em bases teóricas foram determinadas duas técnicas construtivas diferenciadas, concluídas as propostas foram realizadas análises técnicas e econômicas para cada método executivo, em ambas as situações foram identificadas viabilidades nestas três etapas construtivas (fundações, tratamento e conexões), todavia segundo requerido pela proprietária do imóvel a ser realizada a execução do projeto, os quesitos econômicos e diminuição de impactos ambientais negativos foram mais relevantes no diagnóstico, em que uma das opções se mostrou mais viáveis nos parâmetros tratados.


Palavras-chave


Bambu; Sustentabilidade; Geodésica; Viabilidade

Texto completo:

PDF

Referências


ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 9050: Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos. 3 ed. Rio de Janeiro, 2015. 148 p.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13531: Elaboração de projetos de edificações - Atividades técnicas. Rio de Janeiro, 1995. 10 p.

BENAVIDES, Andrea Salomé Jaramillo. Proposta de sistema construtivo para habitação de interesse social com bambu guadua: um estudo de caso no Equador. 2012. 144 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2012.

BERALDO, Antonio L; PEREIRA, Marco Antonio. Bambu de Corpo e Alma. Bauru: Canal 6, 2008. 240 p.

BRUNDTLAND, Gro Harlem. Nosso Futuro Comum. 2. ed. Rio de Janeiro: FGV, 1991.

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL. Relatório de Insumos e Composições – ABR/17 - COM DESONERAÇÃO. 2017. Disponível em: . Acesso em: 13 maio 2017.

DETOIENTOIT. Une Coupole Geodesique en Bambou. 2008. Disponível em: . Acesso em: 25 maio 2017.

DINIZ, João Antônio Valle. Estruturas Geodésicas: Estudos retrospectivos e propostas para um espaço de educação ambiental. 2006. 143 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Engenharia Civil, Escola de Minas da Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2006.

EDITORA PINI (Org.). TCPO: Tabela de Composição de Preços para Orçamentos. 13. ed. São Paulo: Pini, 2010. 630 p.

FULLER, R. Buckminster. SYNERGETICS: Explorations in the Geometry of Thinking. Sebastopol: Macmillan Publishing Co. Inc, 1975. 1839 p.

MATTOS, Aldo Dórea. Como preparar orçamento de obras. São Paulo: Pini, 2006. 281 p.

PEREIRA, Marco Antonio dos Reis. Projeto Bambu: Introdução de espécies, manejo, caracterização e aplicações. 2012. 100 f. Tese (Doutorado) - Curso de Design e Construção Com Bambu, Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho", Bauru, 2012.

QUINTERO, Carlos Andrés Sánchez. Desenvolvimento de uma Ligação estrutural para construção com bambu guadua. 2015. 117 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2015.

STAMM, Jörg. La Evolución de los Métodos Constructivos en Bambú. In: SEGUNDO CONGRESSO MEXICANO DEL BAMBÚ, 1., 2008, Puebla. Estrategias Globales de Desarrollo Sustentable. Puebla: Congresso Mexicano del Bambú, 2008. p. 1 - 11.




DOI: https://doi.org/10.29183/2447-3073.MIX2018.v4.n1.57-65

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 MIX Sustentável