ESTRUTURAÇÃO CURRICULAR DA DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA NO COLÉGIO DE APLICAÇÃO DA UFSC

Victor Julierme Santos da Conceição, Daniela Schwabe Minelli, Leila Lira Peters, Mariana Zamberlan Nedel

Resumo


Este trabalho tem como objetivo apresentar as reflexões que impulsionaram a reestruturação curricular da disciplina de Educação Física do Colégio de Aplicação da UFSC (CA/UFSC), embasadas no fazer pedagógico, a qual é fundamentada na perspectiva da cultura corporal de movimento. Essa reestruturação, visando dar materialidade à proposta, baseia-se nas perspectivas contemporâneas para a Educação e no repensar de propostas curriculares amplamente debatidas nos âmbitos estaduais e federais.


Palavras-chave


trabalho docente; currículo; Educação Física

Texto completo:

PDF

Referências


Referências

BARBOSA-RINALDI, Ieda Parra; LARA, Larissa Michelle; DE OLIVEIRA, Amauri Aparecido Bássoli. Contribuições ao processo de (re) significação da Educação Física escolar: dimensões das brincadeiras populares, da dança, da expressão corporal e da ginástica. Revista Movimento, v. 15, n. 4, p. 243-256, 2009.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação Básica. Base nacional comum curricular. Brasília, DF, 2018. Disponível em: , acesso em Acesso em: 04 setembro de 2020.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

Macedo, Roberto Sidnei. Chrysallís, Currículo e Complexidade: A perspectiva Crítico-multireferencial e o currículo contemporâneo. Salvador: EDUFBA, 2002.

MORIN, Edgar. Os setes saberes necessários à educação do futuro. Cortez Editora, 2000.

__________ . O método 02: a vida da vida. Porto Alegre: Sulina, 2005.

__________ Introdução ao pensamento complexo. Porto Alegre: Sulina, 2007.

__________ O método 01: a natureza da natureza. 2ª Ed. Porto Alegre: Sulina, 2008.

SACRISTÁN, José Gimeno. O Currículo: Uma Reflexão sobre a Prática. Penso Editora, 2000.

REFERÊNCIAS QUE NOS ACOMPANHAM PARA PENSAR A EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR

BOSSLE, Fabiano. Atualidade e Relevância da Educação Libertadora de Paulo Freire na Educação Física Escolar em tempos de "Educação S/A". In: Souza, Claúdio Aparecido de; Nogueira, Valdilene Aline; Maldonado, Daniel Teixeira. (Org.). Educação Física Escolar e Paulo Freire: ações e reflexões em tempos de chumbo. 1ed. Curitiba: CRV, 2019, v. 38, p. 17-31.

BRACHT, Valter. A constituição das teorias pedagógicas da educação física. Cadernos Cedes, v.19, n.48, p.69-88, 1999. Disponível em: . Acesso em: 10 março 2018.

_____________. Sociologia crítica do esporte: uma introdução. Centro de Educação Fisica e Desportos da Ufes, 1997.

DARIDO, Suraya Cristina; RANGEL, Irene Conceição Andrade. Educação Física na escola: implicações para prática pedagógica. Rio de Janeiro: Editora Guanabara Koogan, 2005.

GONZÁLES, Fernando Jaime; FENSTERSEIFER, Paulo Evaldo. Entre o “não mais” e o “ainda não”: pensando saídas do não-lugar da EF escolar I. Cadernos de formação RBCE, v. 1, n. 1, 2009.

ROCHA, Leandro Oliveira ; ARAUJO, S. N. ; MEDEIROS, TIAGO NUNES ; BOSSLE, FABIANO . A Educação Física da Escola Pública: por uma forma de vida democrática. In: Samuel Nascimento de Araújo; Leandro Oliveira Rocha; Fabiano Bossle. (Org.). A Educação Física da Escola Pública: práticas pedagógicas no Ensino Fundamental. 1ed.Curitiba: CRV, 2019, v. 1, p. 13-26.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.