REALISMO E NATURALISMO PARA O ENSINO MÉDIO: DESAFIOS METODOLÓGICOS NO ESTÁGIO DE DOCÊNCIA NA MODALIDADE DE ENSINO NÃO PRESENCIAL NO CAP UFSC

Autores

  • Liandra Lisian Schug Universidade Federal de Santa Catarina https://orcid.org/0000-0003-0064-5135
  • Juliana Schütz Ferreira Universidade Federal de Santa Catarina
  • Camila Gesser Dos Santos Universidade Federal de Santa Catarina

Palavras-chave:

Ensino de Língua Portuguesa. Realismo. Naturalismo. Ensino Remoto.

Resumo

Este artigo é a sistematização das experiências vivenciadas durante a disciplina de Estágio de Ensino em Língua Portuguesa e Literatura II, do curso de Licenciatura em Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa da Universidade Federal de Santa Catarina. Devido à pandemia causada pela Covid-19, a disciplina aconteceu por meio da modalidade de ensino remoto, diante disso, foi necessário adequar o planejamento docente de acordo com as Atividades Pedagógicas Não Presenciais (APNPs). Sendo assim, o presente artigo tem por objetivos reunir e apresentar os recursos e metodologias utilizados no planejamento e desenvolvimento da docência, além de indicar os resultados obtidos com a turma, como a interação efetiva e constante dos alunos durante os encontros síncronos e o interesse em realizar as atividades assíncronas. As experiências aconteceram de maneira online em uma turma de segundo ano do Ensino Médio do Colégio de Aplicação, localizado no bairro da Trindade, em Florianópolis - Santa Catarina, ao que corresponde ao primeiro semestre de 2020. O referencial teórico utilizado foi baseado nos estudos bakhtinianos e vigotskianos, os quais compreendem a linguagem como resultado e ferramenta da interação social. O Realismo e Naturalismo foram os temas centrais das aulas, explorados a partir da apresentação e leituras de trechos das obras, bem como do uso de materiais audiovisuais. Por fim, com o intuito de observar o processo de escrita e criação artística dos alunos, foi solicitada a criação de um roteiro para radionovela adaptado de um conto de estética realista e, também, a sua respectiva gravação.ABSTRACTThis article is the systematization of the experiences lived during the discipline of Teaching Internship in Portuguese Language and Literature II, of the course of Degree in Portuguese Language and Literatures at the Federal University of Santa Catarina. Because of the pandemic caused by Covid-19, the discipline took place through the remote teaching modality, therefore, it was necessary to adapt the teaching planning according to the Non-Presential Pedagogical Activities (NPPAs). Therefore, this article aims to gather and present the resources and methodologies used in the development of synchronous classes and asynchronous activities, in addition to indicating the results obtained through the student’s productions and the questionnaire answered by them, such as the effective and constant interaction of students during synchronous meetings and the interest in accomplishing asynchronous activities. The experiments took place online in a second-year high school class at Colégio de Aplicação, located in the neighborhood of Trindade, in Florianópolis - Santa Catarina, which corresponds to the first semester of 2020. The theoretical grounding used was based on the studies from Bakhtin and Vigotsky, who understand language as a result and a tool of social interaction. The Realism and Naturalism were the central themes of the classes, explored from the presentation and reading of excerpts from works, as well as the use of audiovisual materials. Finally, in order to observe the writing and artistic creation process of the students, it was requested to create a script for radio soap opera adapted from a story of Realistic aesthetics and, also, its respective recording. 

Biografia do Autor

Liandra Lisian Schug, Universidade Federal de Santa Catarina

Graduanda em Letras - Língua Portuguesa e Literatura pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC, 2014-). Mediadora do clube de leitura Leia Mulheres de Florianópolis. Professora na Rede Municipal de ensino de Nova Trento, Santa Catarina.

Juliana Schütz Ferreira, Universidade Federal de Santa Catarina

Graduada em Letras - Língua Portuguesa e Literaturas pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Atualmente é professora na Rede Municipal de ensino de Nova Trento, Santa Catarina. 

Camila Gesser Dos Santos, Universidade Federal de Santa Catarina

Graduada em Letras - Língua Portuguesa e Literaturas pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Atualmente é professora no Colégio Criativo, da Rede privada de ensino AZ de Florianópolis, Santa Catarina.

Referências

ALMEIDA, Júlia Lopes de. A falência. São Paulo: Martin Claret, 2019.

ALMEIDA, Júlia Lopes de. O caso de Ruth. In: Ânsia eterna. Ed. Mulheres, Florianópolis: 2013.

ASSIS, Machado de. Memórias póstumas de Brás Cubas. São Paulo: Ática, 1992.

ASSIS, Machado de. Uns braços. In: Obra Completa. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 1994. v. II.

AZEVEDO, Aluísio de. O cortiço. São Paulo: Martin Claret, 2012.

BAKHTIN, Mikhail. Para uma filosofia do ato responsável. São Carlos: Pedro & João, 2017 [1920].

BAKHTIN, Mikhail Mikhailovitch. Os gêneros do discurso. In: Estética da criação verbal. Introdução e Tradução Paulo Bezerra. 6ª ed. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2011 [1952-53].

BEHAR, Patrícia Alejandra. O ensino remoto presencial e a educação a distância. Jornal da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 6 jul. 2020. Disponível em: <https://www.ufrgs.br/coronavirus/base/artigo-o-ensino-remoto-emergencial-e-a-educacao-a- distancia/>. Acesso em: 12 ago. 2020.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Educação é a Base. Brasília, MEC/CONSED/UNDIME, 05 maio 2018. Disponível em: <http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf>. Acesso em: 13 out. 2020.

BRASIL. Orientações curriculares para o Ensino Médio. Volume 1: Linguagem, Códigos e suas Tecnologias. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2006.

COLÉGIO DE APLICAÇÃO (Santa Catarina) (org.). Projeto Político Pedagógico. Florianópolis: CED-UFSC, 2019.

EVARISTO, Conceição. O cooper de Cida. In: Olhos d´água. Rio de Janeiro: Pallas: Fundação Biblioteca Nacion­al, 2016.

EVARISTO, Conceição. Maria. In: Olhos d´água. Rio de Janeiro: Pallas; Fundação Biblioteca Nacional, 2016.

FLAUBERT, Gustave. Madame Bovary. Tradução: Enrico Corvisieri. São Paulo: Editora Nova Cultura Ltda, 2003.

GERALDI, João Wanderley. A aula como acontecimento. São Carlos: Pedro & João Editores, 2010.

GERALDI, João Wanderley. Portos de passagem. São Paulo: Martins Fontes Editora Ltda, 1993.

PELLEGRINI, Tânia. Realismo: a persistência de um mundo hostil. Revista Brasileira de Literatura Comparada, São Paulo, n. 14, p. 11-34, 2009.

PELLEGRINI, Tânia. Realismo: postura e método. Letras de Hoje, Porto Alegre, v.42 n. 4, p. 137-155, dez. 2007.

SANTA CATARINA, Governo do Estado. Currículo Base da Educação Infantil e de Ensino Fundamental do Território Catarinense. Florianópolis: [s.n.], 2019.

SANTA CATARINA. Proposta Curricular de Santa Catarina: formação integral na educação básica. Estado de Santa Catarina, Secretaria de Estado da Educação - Florianópolis: [s.n.], 2014.

VOLOCHINOV, Valentin. Marxismo e filosofia da linguagem. São Paulo: Editora 34, 2017[1929].

VOLOCHINOV, Valentin. Que é a linguagem. In: A construção da Enunciação e Outros ensaios. São Carlos: Pedro & João Editores, 2013 [1930].

Downloads

Publicado

2021-07-20

Edição

Seção

ARTIGOS SOBRE EXPERIÊNCIAS DE ESTÁGIO NA EDUCAÇÃO BÁSICA