“O QUE ME LEVOU A LUTA...” : AS MEMÓRIAS DA INFÂNCIA E DA ADOLESCÊNCIA NO MOVIMENTO DOS ATINGIDOS POR BARRAGENS NA CIDADE DE ARATIBA, RS

Alis Moros Sheibe, Sofia Martins Provitina, Rafael Noya da Silva, Thais Ferreira da Luz, Renata Gomes Camargo

Resumo


O Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) é um movimento social composto principalmente por agricultores familiares. Luta contra a instalação de usinas hidrelétricas e pela indenização e reassentamento justo para as famílias expulsas para a construção destas. (SCHERRER-WARREN; REIS, 2007). Dentro deste movimento, foi identificada por Rossato (2008) alta participação de crianças e jovens. Tivemos por objetivo observar esta participação no contexto da memória da resistência contra a construção da UHE Itá, considerando também o efeito de relacionamentos interpessoais nesta. Considerando os dados coletados, apoiamos Fraga (2013) em considerar a militância parte da formação social e pessoal daqueles em que nela participam durante sua infância e adolescência. Acreditamos que a luta por causas sociais cria um entendimento crítico essencial para interpretar a situação e sistema político, incluindo aqui faces do capitalismo como a indústria cultural e midiática.


Palavras-chave


Iniciação Científica. Hidrelétrica. Movimento dos Atingidos por Barragens.

Texto completo:

PDF

Referências


SCHERER-WARREN, I.; REIS, M. J. Do local ao global: a trajetória do Movimento dos Atingidos por Barragem (MAB) e sua articulação em redes. In: II ENCONTRO NACIONAL DE CIÊNCIAS SOCIAIS E BARRAGENS E I ENCUENTRO LATINOAMERICANO CIÊNCIAS SOCIALES Y REPRESAS. Salvador: 2007.

DORIA, P. O verdadeiro preço de Itaipu. O Estado de S. Paulo. São Paulo, 28 abr. 2008. Disponível em: . Acesso em: 29 abr. 2019.

FRAGA, G. W. Memórias de terras e de águas: o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) no norte do Rio Grande do Sul através da História Oral. In: XXVII SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 2013, Natal, RN, Brasil. Anais do XXVII Simpósio Nacional de História [...].[S. l.]: ANPUH-SP, 2013. Disponível em: . Acesso em: 29 abr. 2019.

ROSSATO, A. A recepção de rádio e televisão por jovens do Movimento dos Atingidos por Barragens: as representações da classe popular. Orientador: Profª. Veneza Mayora Ronsini. 2008. 169 p. Dissertação de Mestrado (Curso de Mestrado do Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Área de Concentração em Comunicação Midiática) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2008. Disponível em: . Acesso em: 29 abr. 2019.

IBGE – INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Censo Demográfico 2010. Rio de Janeiro: IBGE, 2010a. Disponível em: .

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARATIBA. Histórico. Aratiba, RS, Brasil, 25 jul. 2016. Disponível em: http://www.pmaratiba.com.br/menu/historico. Acesso em: 6 maio 2019.

MARTINI, L. Repercussões territoriais e econômicas em Aratiba - RS, a partir da construção da Usina Hidrelétrica Itá. Orientador: Prof. Dr. Dilermando Cattaneo. 2015. 105 f. Trabalho de Conclusão de Curso (CURSO DE GEOGRAFIA – LICENCIATURA) - Universidade Federal da Fronteira Sul, Erechim, RS, 2015.

VICENTINI, D., VERÁSTEGUI, R. L. A. A PEDAGOGIA CRÍTICA NO BRASIL: A PERSPECTIVA DE PAULO FREIRE. In: XVI SEMANA DA EDUCAÇÃO E VI SIMPÓSIO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO, 2015, Universidade Estadual de Londrina. SEDAE: VI Simpósio de Pesquisa e Pós-Graduação e XVI Semana da Educação: "desafios atuais para a educação" [...]. Londrina, PR, Brasil: UEL, 2015. Disponível em: http://www.uel.br/eventos/semanadaeducacao/pages/anais/2015.php. Acesso em: 3 jul. 2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.