“ - Ponto para justina! Toca aqui! Aê jú! Vamos lá!”: mediação, emoção e produção de sentidos numa brinquedoteca escolar

Leila Lira Peters

Resumo


Este artigo contempla parte dos resultados da pesquisa  Contribuições de uma brinquedoteca escolar para o processo de formação de crianças do 1° ano do Ensino Fundamental: um estudo de caso no LABRINCA-CA-UFSC  que destacou as possibilidades de aprendizagens decorrentes de brincadeiras vivenciadas numa brinquedoteca escolar. Através da análise de um episódio que retrata o processo de inserção de uma aluna autista numa situação lúdica na brinquedoteca escolar, destacamos o processo de apropriação de um jogo realizado pela criança, mediado pela professora da turma, e suas consequências na produção de significações da estudante em relação ao jogo, aos colegas e a si mesma. Em nossa investigação tivemos como sujeitos protagonistas os alunos de uma turma de 1° ano do Colégio de Aplicação da UFSC e sua professora, observados nas situações em que se encontravam na brinquedoteca da escola durante o seu horário de encontro semanal. Com o objetivo de destacar a qualidade da mediação realizada pela educadora, buscamos pistas de ações metodológicas que possibilitem reflexões sobre formas de agir do adulto em relação às crianças e aos objetos lúdicos em brinquedotecas escolares que ofereçam possibilidades de ensinar e de aprender no contexto escolar de forma mais significativa, prazerosa e afetuosa.

Texto completo:

PDF

Referências


BAKHTIN, M. M.; VOLOCHINOV, V. N. Marxismo e filosofia da linguagem: problemas fundamentais do método sociológico na ciência da linguagem. Tradução: M. Lahud e Y. F. Vieira. 9ª. ed. São Paulo: Hucitec, 1999.

BRASIL. Resolução nº 7, de 14 de dezembro de 2010. Brasília: MEC, 2010.

GINZBOURG, C. Mitos, emblemas, sinais: morfologia e história. Tradução: Federico Carotti. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

LUNA, S.V. Planejamento de pesquisa: uma introdução. São Paulo:EDUC,1998.

OLIVEIRA, I. M.; GEBARA, A. Interação, afeto e construção de sentido entre crianças na brinquedoteca. Educação e Pesquisa. São Paulo, v. 36, n. 1, jan./abr. 2010, p. 373-387.

PETERS, L.L. A mudança de significação do caráter do jogo em escolares: da perspectiva individualista para a coletiva. In: Contrapontos: Revista de Educação da Universidade do Vale do Itajaí: Psicologia Histórico-Cultural. Ano 1, n. 2 (2001) Itajaí: Univali, out.2001.

PETERS, L.L. Jouer pourquoi ? L´école c´est pour apprendre! Etude de cas d´une ludothèque dans le contexte scolaire. Berlim: Éditions Universitaires Européennes, 2012.

PETERS, L.L.. Roda vem para cá... roda, vem brincar: contribuições de uma brinquedoteca escolar na formação de crianças do 1° ano do Ensino Fundamental do CA-UFSC. In: SABINO, M. F. et al. (Org.). História das Instituições. Florianópolis: Editora Letras Contemporâneas, 2013. No prelo.

PETERS, L.L., ZANELLA, A.V. Videografia e análise microgenética como ferramentas para a pesquisa em Educação Física Escolar. In: VAZ, A.F.V.; SAIÃO, D.T. ; PINTO, F.M. Educação do corpo e formação de professores: reflexões sobre a Prática de Ensino de Educação Física. Florianópolis: EDUFSC, 2002.

PETERS, L.L., L.L.; MELO, C. K. et al. LABRINCA – relato e reflexões de um projeto interdisciplinar. In. CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE; (13: 2003: Caxambu). Anais [recurso eletrônico]. Campinas: CBCE, 2003.

PETERS, L.L.; MELLO, C. K. Brinquedoteca na Universidade: A proposta para a formação de educadores. In: ANAIS II CONGRESSO INTERNACIONAL DE FORMAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA e VI SEMINÁRIO DE ESTUDOS DA CAMPO DA EDUCAÇÃO FÍSICA. Florianópolis, 2012, p. 844 a 851.

PETERS, L.L.. et al. Contribuições de uma brinquedoteca escolar para o processo deformação de crianças do 1° ano do Ensino Fundamental: um estudo de caso no LABRINCA-UFSC. Relatório Final de Pesquisa. Colégio de Aplicação, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2012.

SMOLKA, A. L. B.; GÓES, C. (Org.). A significação nos espaços educacionais: interação social e subjetivação. Campinas: Papirus, 1997.

SMOLKA, A. L. B.; LAPLANE, A. L. F. Processos de cultura e internalização. In: Viver: mente & cérebro: Lev Seminovich Vygotsky. Rio de Janeiro: Ediouro; São Paulo: Segmento-Duett, n.2, 2005.

VYGOTSKY, L. S. Formação social da mente: o desenvolvimento de processos psicológicos superiores. 6ª. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

VYGOTSKY, L. S. Problemas del desarrollo de la psique. In: VYGOTSKY, Lev S. Obras Escogidas III. Madrid: Visor Distribuiciones, 2ª. ed., 2000.

VYGOTSKY, L. S. La imaginación y el arte en la infancia. 6ª. ed. Madri: Akaal, 2003.

ZANELLA, A. V. Vygotsky: contexto, contribuições à psicologia e o conceito de zona de desenvolvimento proximal. Itajaí: Ed. da Univali, 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.