Eudoro de Sousa e a Poética aristotélica

Claudia Pellegrini Drucker

Resumo


A tradução souseana da Poética faz parte de um esforço de interpretação da poesia na Grécia antiga como discurso sobre o divino. Aristóteles sobressai dentro da história da consciência filosófica e religiosa grega como erudito, historiador e filósofo. Sem aderir a uma visão dionisíaca de mundo, o filósofo a apresenta como uma forma possível de doação do mundo.

Palavras-chave


tragédia - Dioniso- diacosmese - mito - imitação

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Claudia Pellegrini Drucker

URL da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc/3.0/deed.pt

PERI - Revista de Filosofia
ISSN 2175-1811, Florianópolis,
Santa Catarina, Brasil
e-mail: revistaperi@contato.ufsc.br