Entrincheirados longe do Front: O cotidiano do florianopolitano no período da Segunda Guerra Mundial

Bianca Melyna N. Filgueira

Resumo


O presente artigo tem como objetivo trazer à tona o cotidiano da população florianopolitana no período da Segunda Guerra Mundial, mostrando como se deu a mobilização da cidade nesse momento peculiar da história. A abordagem tende a focar principalmente o cotidiano dos imigrantes alemães que viviam na capital catarinense durante a guerra, já que estes foram os cidadãos que mais implicações sofreram diante da política nacionalizadora do Estado Novo, fomentada pelos jornais da época e assimilada pela população de origem lusa. Como fonte, utilizamos livros de memórias, cartas, entrevistas, os já citados jornais e bibliografia de apoio.

Palavras-chave


Nacionalização; Segunda Guerra Mundial; Florianópolis; Estado Novo

Texto completo:

PDF


Revista Santa Catarina em História - Florianópolis - UFSC - Brasil ISSN 1984-3968