Modernismo e História da literatura na década de 1950 em Santa Catarina

Héverton Malagoli da Silva

Resumo


O presente artigo analisa a obra de Osvaldo Ferreira de Melo Filho, em busca do pensamento sobre a literatura catarinense da década de 50. Nos escritos do autor, podemos perceber quanto aspectos que não são literários interferem nas obras e quanto as questões formuladas sobre literatura refletem sempre questões mais amplas. Por meio dessas perguntas e da maneira que o autor se propõe a respondê-las, podemos entender um pouco de sua visão a respeito da sociedade em que vive e sobre o passado

Palavras-chave


História da literatura Catarinense; Modernismo; Grupo Sul; Osvaldo Ferreira de Melo Filho

Texto completo:

PDF


Revista Santa Catarina em História - Florianópolis - UFSC - Brasil ISSN 1984-3968