A possibilidade da acrasia na filosofia de Platão

Zoraida Lopes Feitosa

Resumo


Resumo

Nossa investigação neste artigo seguirá os procedimentos já classicamente utilizados na pesquisa de caráter hermenêutico. Num primeiro momento nossa preocupação será fazer uma análise da noção de acrasía, tendo como referência o diálogo A República. A análise, no entanto, partirá de uma relação entre obras anteriores A República, como o Górgias, o Laques e o Protágoras. Em cada obra procuraremos comprovar em que contexto Platão emprega o conceito de acrasía e concomitantemente como o filósofo o relaciona entre as obras destacadas. Finalmente, a partir das análises estruturais identificaremos qual é o lugar pertinente e a importância que a acrasía teria no projeto maior da cidade ideal.

Abstract

Our investigation in this article follows the procedures already classically used in the hermeneutics character research. At first our concern is to analyze the notion of akrasía, with reference to the dialogue, the Republic. However, the analysis begins with a relation between the Republic earlier works, such as Gorgias, Protagoras and Laches. In each work, we will seek to establish the context in which Plato uses the concept of akrasía and concomitantly as the philosopher connects it among the used works. And finally, from structural analysis, we will identify what is the relevant place and the importance that akrasía would have in the largest project of the ideal city. 


Palavras-chave


Acrasia; Ética; Virtude

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Zoraida Lopes Feitosa

URL da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc/3.0/deed.pt

PERI - Revista de Filosofia
ISSN 2175-1811, Florianópolis,
Santa Catarina, Brasil
e-mail: revistaperi@contato.ufsc.br