Avaliação da relação entre a importância e o desempenho de práticas de lean manufacturing em um centro de distribuição

Léony Luis Lopes Negrão, Mailson Ariel Moraes Monteiro, Mayra Oliveira Ramos, Marcelo Carneiro Gonçalves, Izamara Cristina Palheta Dias

Abstract


A manufatura enxuta tem possibilitado melhorias no desempenho operacional de atividades produtivas nos setores que se enquadram aos pressupostos deste paradigma de gestão da produção. Este artigo objetivou avaliar a relação entre importância estratégica e desempenho operacional de práticas lean em um centro de distribuição (CD). Foi realizado um levantamento sobre as principais práticas lean, após, analisaram-se os métodos de avaliação destas práticas já presentes na literatura, bem como sua adequação ao estudo proposto. O estudo teve início com entrevistas junto aos gestores do CD almejando conhecer em que estágio se encontrava a aplicação das práticas lean na empresa. Após, foi aplicado um check list verificando o desempenho atual de cada prática. Em seguida, foi elaborado junto ao coordenador geral do CD, um ranking com o grau de importância de cada prática à empresa. O estudo foi finalizado com a análise entre o resultado desejado pela coordenação e o realmente alcançado no cotidiano da operação. A análise final apontou um resultado abaixo do desejado em práticas consideradas mais importantes. O estudo denota a relevância de não só aplicar práticas de melhorias isoladas, mas principalmente de acompanhar e avaliar em conjunto essas práticas a fim de alocar esforços em objetivos prioritários.

Keywords


Produção enxuta; Logística; Centro de distribuição; Lean; Prática lean.

References


CARDOSO, E.; CARPINETTI, L. C. R. Indicadores de desempenho para o sistema de produção enxuta. Revista Produção Online. v. 5, n. 2, 2005.

DIAS, F, T. Proposta de uma metodologia baseada em indicadores de desempenho para a avaliação de princípios relativos à Produção Enxuta: Estudo de caso em uma empresa fabricante de produtos para o setor médico hospitalar. Dissertação (Pós – Graduação em Engenharia de Produção) – Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2003.

DURAN, O.; BATOCCHIO, A. Na direção da manufatura enxuta através da J4000 e LEM. Revista Produção Online. v. 3. n. 3, 2003.

FERNANDES, F. C. F.; GODINHO FILHO, M.; DIAS, F. T. Proposta de um método baseado em indicadores de desempenho para a avaliação de princípios relativos à manufatura enxuta. XXV Encontro Nacional de Engenharia de Produção – ENEGEP. Porto Alegre, RS, 2005.

GODINHO FILHO, M. Contribuição para o estudo da competitividade das empresas por meio da integração dos processos de Controle da Produção (CP) e do Controle de Qualidade (CQ) no âmbito da produção enxuta. São Carlos: UFSCar, 2001. Dissertação de Mestrado em Engenharia de Produção, Departamento de Engenharia de Produção, Universidade Federal de São Carlos, 2001.

KARLSSON, C.; AHLSTROM, P. Assessing changes towards lean production. International Journal of Operations & Prodiction Management, v 16, n 2, p 24-41, 1996.

LIKER, J. The Toyota way: 14 Management Principles from the World's Greatest Manufacturer. New York: McGraw-Hill, 2004.

MACHADO, R. K. Proposição de um método para medir o grau de execução das práticas enxutas em uma empresa que não possui um sistema enxuto estruturado: um estudo de caso. Dissertação de mestrado (Mestrado em Engenharia de Produção) – Universidade do Vale do Rio dos Sinhos, São Leopoldo, 2010.

MONDEN, Y. Sistema Toyota de Produção: uma abordagem integrada ao just in time. 4. ed. Porto Alegre: Bookman, 2015.

NOGUEIRA, Maria da Graça Saraiva. Proposta de método para a avaliação de desempenho de práticas da Produção Enxuta: ADPPE. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2007.

NOGUEIRA; M. G. S.; SAURIN, T. A. Proposta de avaliação do nível de implementação de típicas práticas da produção enxuta em uma empresa do setor metal-mecânico. Produção Online, v. 8, n. 2, 2008.

NOGUEIRA; M. G. S.; CASALINHO, G. D. O. Proposta de uma matriz de indicadores para avaliação de desempenho de práticas enxutas. XXXVIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção – ENEGEP. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 2008.

OHNO, T. Sistema Toyota de produção: além da produção em larga escala. Porto Alegre: Bookman, 1997.

ROTHER, M.; SHOOK, J. Aprendendo a enxergar. São Paulo: Lean Institute Brasil, 2003.

ROTHER, M.; SHOOK, J. Learning to see: value stream mapping to create value and eliminate muda. Massachusetts: Bookline, 1998.

SÁNCHEZ, A. M.; PÉREZ, M. P. Lean indicators and manufacturing strategies. International Journal of Operations & Production Management. v. 21, n. 11, p. 1433-1451, 2001.

SHAH, R.; WARD, P. T. Lean manufacturing: context, practice bundles, and performance. Journal of Operation Management. v. 21, p. 129-149, 2003.

SHIMOKAWA, K.; FUJIMOTO, T. O nascimento do lean: conversas com Taiichi Ohno, Eiji Toyoda e outras pessoas que deram forma ao modelo Toyota de gestão. Porto Alegre: Bookman, 2011.

SILVA, E. L.; MENEZES, E. M. Metodologia da pesquisa e elaboração de dissertação. 4º Ed. rev. Atual. UFSC, Florianopolis SC, 2005.

WHITE, R. E.; PEARSON, J. N.; WILSON, J. R. JIT manufacturing: a survey of implementations in small and large U.S. manufacturers. Management Science, v. 45, n. 1, p. 1-15, 1999.

WOMACK, J.; JONES, D. A mentalidade enxuta nas empresas: elimine o desperdício e crie riqueza. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.

WOMACK, J. P.; JONES, D.; ROSS, D. A Máquina que Mudou o Mundo: baseado no estudo do Massachusetts Institute of Technology sobre o futuro do automóvel. 5. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.

WOMACK, J. P.; JONES, D. T. A Mentalidade Enxuta nas Empresas: elimine o desperdício e crie riqueza. Rio de Janeiro: Campus, 1998.

WOMACK, J.P.; JONES, D. T.; ROSS, D. A maquina que Mudou o Mundo. Rio de Janeiro: Editora Campus, 1992.


Refbacks

  • There are currently no refbacks.


_________________________________________________________

Licença Creative Commons
This journal is licenced under a Creative Commons LicenseCreative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Contact: lean@contato.ufsc.br
Tel: +554837217062

EPS - Departamento de Engenharia de Produção e Sistemas

CTC - Centro Tecnológico

UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina

Caixa Postal 476 - Campus Universitário - Trindade