Produção de Tomates Orgânicos com Remineralizador de Solos

uma diversificação da renda em Lages, SC

Autores

  • Genicelli Mafra Ribeiro Universidade do Estado de Santa Catarina
  • Eduarda Lessa de Araújo de Souza IFSC
  • Álvaro Luiz Mafra Universidade do Estado de Santa Catarina

Resumo

O objetivo deste estudo foi a produção de tomates orgânicos na agriculturafamiliar com remineralizador (rocha ultramáfica) de solos no município de Lages,Santa Catarina (27°50'57.2"S 50°06'20.4"W) para diversificar a renda da agriculturafamiliar. De forma complementar foi caracterizada a área antes da implantação daestufa de tomate e posteriormente o solo foi analisado quimicamente após aaplicação do remineralizador e colheita da primeira safra. O presente estudo foidesenvolvido entre outubro de 2020 até agosto de 2021, com determinação de pHem água, pH SMP, alumínio, cálcio, magnésio, H+Al, CTC (pH 7,0), CTC (efetiva),potássio, soma de bases, matéria orgânica, argila, fósforo, enxofre, boro, cobre,zinco, manganês. Colheu-se na primeira safra 13 toneladas de tomates orgânicosem 2000 pés, o que indica ótima produção e opção para diversificação da renda noreferido município.

Biografia do Autor

Genicelli Mafra Ribeiro, Universidade do Estado de Santa Catarina

Pós Doutoranda em Ciência do Solo. Universidade do Estado de Santa Catarina.

Álvaro Luiz Mafra, Universidade do Estado de Santa Catarina

Doutor em Ciência do Solo. Universidade do Estado de Santa Catarina

Downloads

Publicado

2022-10-12

Edição

Seção

DIÁLOGOS AGROECOLÓGICOS V