A verticalização seletiva como processo de valorização especulativa da paisagem: o caso da Ponta do Coral em Florianópolis (SC)

Arlis Buhl Peres, Margareth de Castro Afeche Pimenta

Resumo


O processo de verticalização das cidades latino-americanas tem sido naturalizadas pela sociedade em geral, especialmente como objeto a ser consumido. A valorização e os impactos decorrentes na paisagem não são discutidos ou levados em consideração no momento do planejamento, em muitos casos. A captação do lucro e a otimização máxima do solo é tônica do debate e das pressões exercidas sobre o Estado em benefício de interesses particulares. O caso da Ponta do Coral é emblemático nesse sentido, o debate que se iniciou a 40 anos é premente para garantia dos espaços públicos na cidade e para a preservação da paisagem historicamente herdada.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


REBELA - Revista Brasileira de Estudos Latino-Americanos
ISSN 2237-339X
Instituto de Estudos Latino-Americanos - IELA
Universidade Federal de Santa Catarina
Centro Socioeconômico - Primeiro andar - Bloco D 
Florianópolis SC
Telefone: + 55 48 37216483

e-mail:iela@contato.ufsc.br