Drama do videogame em um drama policial: gêneros discursivos

João Paulo Zarelli Rocha

Resumo


A presente pesquisa procurou atingir um processo de análise sincrônica dos gêneros e tipos textuais presentes em um mundo virtual, o jogo eletrônico Max Payne 3. Com base bakhtiniana e discussões circundantes, foram delineados os possíveis gêneros e tipos presentes no jogo, tendo como enfoque os gêneros em objetos relevantes para a trama, que fazem parte da estrutura da jogabilidade e os objetos que a personagem principal pode interagir diretamente. Foram demarcados os objetos textuais presentes no jogo e estabelecidas relações de oposição entre as funções sociodiscursivas e entre as estruturas de cada objeto para delimitar e caracterizar o gênero ou tipo incorporado. Os principais tipos encontrados na fala das personagens foram o diálogo pessoal e o diálogo injuntivo, contando também com a presença de diálogo interno narrativo por parte da personagem principal. Já nos objetos do cenário, foram identificados inúmeros gêneros devido à complexidade do mundo virtual. Finalmente, na interface foram destacados os menus e textos flutuantes. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

uox-Rev., © 2013, UFSC, Florianópolis, Brasil, ISSN 2358-1514