CORRESPONDÊNCIAS ELETRÔNICAS EMPRESARIAIS - UM ESTUDO ESTILÍSTICO DAS FORMAS DE ABERTURA E DE FECHAMENTO UTILIZADAS EM E-MAILS

Jussara Miranda

Resumo


No contexto das comunicações empresariais, o correio eletrônico tem sido uma ferramenta amplamente utilizada. Os manuais de redação comercial atuais tratam entre outros temas, dos padrões e estruturas utilizados em e-mails. Ao comparar as formas de abertura e de fechamento de correspondências eletrônicas (e-mails) no universo corporativo, trocadas entre pessoas de diferentes níveis hierárquicos, percebe-se a variação das maneiras de escrita de acordo ou em contraposição ao estabelecido pelos manuais de redação comercial. O objetivo deste trabalho é mostrar a ocorrência destas formas de abertura e de fechamento sob um olhar estilístico, apontando tendências utilizadas nas organizações de administração vertical, para isto foi delimitado um corpus e criado um banco de dados. O estudo está dividido em três partes, em um primeiro momento apresenta-se um resgate de referência bibliográfica, sendo utilizada, como base para os critérios de formalidades e uniformização, manuais de redação, além de materiais para conceituação. Na segunda parte constituiu-se o banco de dados com 225 e-mails, delimitado o corpus para o estudo de caso. Como a pesquisa buscou mostrar a utilização das formas de abertura e de fechamento em paralelo com a relação de poder entre remetente e destinatário, foram selecionados e-mails emitidos por pessoas de diferentes níveis hierárquicos nos processos de comunicação da empresa. A terceira parte encerra com a análise e interpretação dos resultados estatísticos obtidos através do levantamento de dados, quais demonstram a relação entre o estabelecido nos manuais de redação empresarial e o que ocorre de fato no cotidiano da empresa estuda.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

uox-Rev., © 2013, UFSC, Florianópolis, Brasil, ISSN 2358-1514