Adoção de Técnicas de Análises de Redes para Compreensão do Processo de Capacitação no Brasil (DOI: 10.13140/RG.2.2.15371.11043)

Higor Alexandre Duarte Mascarenhas, Thiago Magela Rodrigues Dias, Patrícia Mascarenhas Dias

Resumo


A migração de brasileiros tem se tornado cada vez mais frequente nos dias atuais, com a principal finalidade obter melhores condições de vida. Estudos apontam que um dos principais motivos para a migração é a busca por capacitação em alto nível de formação. Logo, neste cenário, esta pesquisa tem como principal objetivo analisar o êxodo de estudantes brasileiros durante o seu processo de formação acadêmica, a partir de dados extraídos de seus de currículos cadastrados na Plataforma Lattes com a adoção de técnicas de análises de redes. Utilizou-se da Plataforma Lattes por se referir a um dos principais repositórios acadêmicos brasileiros, e por possuir informações relevantes para esta pesquisa. Sendo assim, foi utilizado o framework LattesDataXplorer para a extração e tratamento dos dados, posteriormente, selecionou-se o conjunto de dados de indivíduos com doutorado concluído por se tratar de indivíduos com mais alto nível de formação e que mantem uma atualização constante de seus currículos. Feito isso, foi efetuado um enriquecimento de dados com geolocalização e informações das instituições onde se capacitaram, afim de obter resultados de distancias percorridas pelos doutores. Como forma de visualização de dados, foi utilizado análise de redes, e utilização de métricas para obter uma visão geral de como ocorre o êxodo científico brasileiro. Percebe-se uma alta concentração de doutores em cidades com maior concentração de universidades que possuem programas de pós-graduação em nível de mestrado e doutorado, bem como, se caracterizam por possuir maiores rendas per capta.


Texto completo:

PDF

Referências


Abel, G. J., & Sander, N. (2014). Quantifying global international migration flows. Science, 343(6178), 1520–1522.

Chaves, L. C. R., & Duarte, A. (2015, agosto 1). Analisando a mobilidade de pesquisadores através de registros curriculares na Plataforma Lattes. Anais do Brazilian Workshop on Social Network Analysis and Mining (BraSNAM). IV Brazilian Workshop on Social Network Analysis and Mining. https://doi.org/10.5753/brasnam.2015.6774

Dias, T. M., Moreira, T. H., & Dias, P. M. (2020). Fomento à pesquisa científica no Brasil: A colaboração dos pesquisadores de excelência. Parcerias Estratégicas, 24(48), 151–166.

Dias, T. M. R. (2016). Um estudo da produção científica brasileira a partir de dados da Plataforma Lattes. 2016 [Doutorado em Modelagem Matemática e Computacional)-Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais, Belo Horizonte]. CEFET-MG.

IBGE, C. D. (2010). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 2010. http://www. ibge. gov. br/home/

Lombas, M. L. de S. (2017). A mobilidade internacional acadêmica: Características dos percursos de pesquisadores brasileiros. Sociologias, 19(44), 308–333.

Moreira, J. R., Mueller, S. P. M., & Vilan Filho, J. L. (2020). Produção científica dos membros dos grupos de pesquisa das áreas de Informação no Brasil. Informação & Informação, 25(1), 1–20.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.